Equilíbrio entre Santa Clara e Penafiel nos Açores resulta em nulo no marcador

Escrito por em 16/09/2023

Numa partida marcada pelo equilíbrio, Santa Clara e Penafiel empataram hoje 0-0, em jogo da quinta jornada da II Liga de futebol, disputado em Ponta Delgada, nos Açores.

O Penafiel entrou decidido na partida, procurando explorar o espaço nas laterais e dificultando a construção de jogo do Santa Clara.

Com o passar do tempo, o encontro ficou concentrado na zona central do terreno, com as duas equipas a lutar pelo domínio da partida. A formação da casa assumiu a posse de bola, mas teve dificuldades em criar lances de perigo devido à falta de critério no último passe.

A melhor chance dos primeiros 45 minutos pertenceu ao Penafiel. Aos 23 minutos, após um cruzamento, Firmino apareceu livre de marcação na área e cabeceou para uma grande defesa de Gabriel.

 

O Santa Clara apareceu na segunda parte mais incisivo, procurando instalar-se no meio-campo contrário. Aos 49 minutos, ainda celebrou-se no estádio devido à tentativa de Rafael, que esbarrou na malha lateral.

Na reta final, os insulares aumentaram o caudal ofensivo e Lucas Soares, aos 77, após uma bola lancada para a área, desperdiçou uma excelente oportunidade.

Através de contra-ataques o Penafiel também dispôs de lances para chegar ao golo. Aos 88, os forasteiros atiraram à barra, numa tentativa de Robinho.

Jogo no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada.

Santa Clara – Penafiel, 0-0.

Equipas:

– Santa Clara: Gabriel Batista, Pedro Pacheco (Paulo Henrique, 87), Rocha, Sidney Lima, MT (Calila, 59), Lucas Soares (João Lima, 86), Adriano, Serginho (Klismahn, 66), Bruno Almeida (Vinicius, 60), Ricardinho e Rafael.

(Suplentes: Marcos Diaz, Calila, Sema Velasquez, João Lima, Andrezinho, Paulo Henrique, Ageu, Vinicius e Klismahn).

Treinador: Vasco Matos.

– Penafiel: Pedro Silva, Maga (Rúben Freitas, 85), João Miguel, Rúben, João Silva, Leandro (Diogo Brito, 74), Batista, Reko, Robinho, André Silva (Edu Pinheiro, 82) e Hugo Firmino (Gabriel Barbosa, 85).

(Suplentes: Filipe Ferreira, Bruno Pereira, Suker, Jota, Edu Pinheiro, Gabriel Barbosa, Diogo Brito, Rúben Freitas e Vieira).

Treinador: Hélder Cristóvão.

Árbitro: José Bessa (AF Porto).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Serginho (15), Rúben (31), Rocha (44), Pedro Pacheco (51), Sidney Lima (67), Marcos Diaz (74), Hugo Firmino (77), Lucas Soares (79) e Gabriel Barbosa (90+1).

Assistência: 1.614 espetadores.


Açores 9 Rádio

Canal 1

Faixa Atual

Título

Artista